Publicidade Marcilio Noticias

Corte de verbas podem fazer com que varias unidades de atendimento delegacia do Trabalho deixem de existir, e os serviços não devem mais ser oferecidos.

O encerramento das agências deve acontecer em todo estado por causa do corte de verbas no orçamento. Superintendência  Regional do Trabalho também corre o risco de ter que fechar as portas até em Campo Grande/MS.

“Fechar mais um órgão público que a gente utiliza o tempo inteiro, que você vê todo mundo sempre precisando, sempre necessita de alguma coisa, eu acho um descaso com a população”.

“Não teve mais concurso público,  o serviço das as emissões de carteira de trabalho devem ser todas virtual”

“Nos entendemos que com o corte orçamentário no Ministério do Trabalho vem prejudicar o trabalhador, uma vez que ele vai deixar de ser assistido por falta de pessoal, de recurso para deslocamento. O governo precisa cortar as gorduras antes de mexer em mais um direito do trabalhador”.


Deixe a repetição