Publicidade Marcilio Noticias

O espirito natalino não teve muito sucesso na noite desta segunda-feira (24). Uma discussão em um churrasco de família, envolvendo três pessoas, terminou com dois esfaqueados no loteamento Nova Serrana, no bairro Noroeste.

De acordo com o boletim de ocorrência, o filho de uma das vítimas – que estava sob efeito de bebida alcoólica, deu início a discussão aparentemente sem qualquer motivo e munido de uma faca, tentou golpear as costas do pai, enquanto o mesmo estava agachado.

No momento em que a ação seria realizada, o irmão da vítima interviu e conseguiu tirar a faca do sobrinho e logo em seguida, esfaqueou o rapaz nas costas. A briga ainda continuou e o tio acabou tendo lesão grave na mão direita, enquanto o filho teve ferimentos graves nas costas e o pai teve apenas ferimentos superficiais em um dos braços.

Os dois envolvidos foram atendidos pelo SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levados para a Santa Casa. O homem que teve a mão ferida, precisou passar por cirurgia para reparar os ligamentos, enquanto o sobrinho está internado pela gravidade dos ferimentos.

O caso foi registrado na Depac Centro como lesão corporal dolosa e lesão corporal de natureza grave.

Homem agride esposa, golpeia cunhado com facada na cabeça e acaba preso.

Na noite desta segunda-feira (24), um homem, 32 anos, que é deficiente auditivo, agrediu a sua esposa, golpeou o cunhado com uma faca e arranhou uma terceira pessoa que tentou separar a briga. O caso aconteceu na região norte de Campo Grande.

Segundo informa o boletim de ocorrência, um vizinho relatou que o homem estaria bastante alterado e chegou a brigar e agredir a esposa.

No momento em que percebeu a situação, o irmão da mulher tentou apartar a briga, mas acabou sofrendo um golpe em sua cabeça, vindo de uma faca que estava em domínio do agressor. Uma segunda pessoa tentou conter o homem, mas foi agredido com unhadas no rosto.

Os vizinhos que estavam presentes no local, levaram os rapazes com os ferimentos para a UPA Nova Bahia.Os policias militares se deslocaram até o UPA para entrar em contato com a vítima, que confirmou a versão do vizinho.

Depois de algum tempo, o sogro do agressor, 68 anos, acionou a Polícia Militar e informou que o mesmo estaria em sua casa. A PM efetuou a prisão do homem e ainda conforme o boletim, durante o trajeto, o homem se debateu e chutou o interior da viatura.

O irmão da esposa precisou levar alguns pontos na cabeça, foi medicado e logo em seguida, liberado pelo UPA. O agressor foi levado para a Depac Centro e o caso foi registrado também na Depac.


Deixe a repetição